Visualizações: 38


20/11/2017 às 19:46:22
Ceará tem quinto mês consecutivo de alta na geração de empregos

O único setor que apresentou falhas foi a agropecuária, com saldo negativo de 17 vagas
créditos:
Conforme dados divulgados nesta segunda-feira pelo Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, o Cearé teve saldo de 2.918 vagas de emprego em outubro. O número é resultado de 31.613 contratações e 28.695 demissões no mês. O resultado do mês passado dá ao Estado o quinto mês consecutivo com geração de emprego.

Este foi o melhor mês de outubro no Ceará desde 2014, quando foram geradas 7.363 vagas formais. Em 2015 e 2016, houve queda no período, de -4.787 e -2.137, respectivamente. Nos 12 últimos messes, de novembro de 2016 a outubro deste ano, a perda de 8.442 empregos com carteira assinada deixou o Ceará com saldo negativo.

Contribuíram para o desempenho do Ceará a indústria da transformação, com 1.530 vagas; comércio, com 721 empregos a mais; serviços, com 467 vagas; e administração pública, com 76 vagas a mais. O único setor que apresentou queda foi a agropecuária, com saldo negativo de 17 vagas.

Outubro foi o quinto mês seguido de alta nos empregos formais no Ceará, uma escalada que acontece desde junho, mês quando foram criadas 133 vagas com carteira assinada. Dados oficiais da Caged apontam que o mês seguinte, julho, foram 1.871 vagas criadas a mais que o número de demissões no estado.

No mês de agosto, o estado teve o terceiro melhor desempenho de todo o País, com criação de 4.975 novas vagas de emprego. E em setembro foram 2.161 vagas a mais.



Por O POVO Online
COMPARTILHE O LINK DA MATÉRIA






Receba Novidades

Cadastre seu e-mail e fique por dentro





CATEGORIAS




EQUIPE GEM'S

Listar Todos





PEDIDO MUSICAL




Sua Foto

Campo Obrigatório